quinta-feira, 3 de abril de 2008

Casa, Rio de Janeiro
Você sabe que está na biologia quando...

... entra na sala do almoxarifado para pegar um aparelho de ar condicionado novo, e se depara com pratelheiras cheias de pilhas e pilhas de ossos humanos, cuidadosamente organizadas e etiquetadas: 'femures', 'falages distais', 'tíbias', etc.

O ar condicionado, incidentalmente, nós mesmos instalamos, o que envolveu serrar a esquadria da janela, retirar o vidro, remover o aparelho antigo e colocar o novo. Prova de que, após alguns meses sem refrigeraçao, até pacatos acadêmicos se tornam McGuyvers. Até agora não tivemos problemas com nosso serviço profissa de instalação, exceto pelo surgimento de um pequeno grupo de pinguins nidificantes.



4 comentários:

fmafra disse...

Estou curioso para saber como suas desventuras biológicas irão afetar seus jogos já anatomicamente detalhistas.

|3run0 disse...

O pior é que eu coloquei no jogo, inventado da minha própria cabeça, um ritual que transforma uma cabeça decepada em um tipo de guardião; o espirito é aprisionado costurando-se a boca e os olhos.

Alguns dias depois na biologia, me deparo com um cartaz destes apresentados em congresso, descrevendo os rituais de uma tribo amazônica, que usavam as cabeças decepadas de seus inimigos como fetiches, e selavam boca, nariz e ouvidos com cera para aprisionar o espirito...

Dumuro disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
adam brown disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.